É pra falar mesmo!?

Durante reuniões não é permitido apelidinhos, palavras grotescas, ou vulgares. De vez em quando eu ouço um:

_É foda!

Dentro de reunião.

¬¬

Às vezes [não raramente] ouço demolays insistindo em querer aparecer usando um vocabulário baixo e de péssimo gosto. Palavreado torpe, que se varia desde ditongos terminados em “U” e não acentuados, até o verbo “comer” no sentido que distingue de pôr arroz e feijão no prato de lançá-los com um talher pra dentro da boca.

Pois é, por falar em de boca, falemos pois que o que nos preocupa não é o que entra nela, mas sim o que sai! [Ui!]

Sempre tem aquele demolay que quando você diz algo, ele logo grita:

OUUUUUUUUAAA!

¬¬

Mal sabe ele que a vontade da gente é enfiar o “Oua” dele no…

 

ouvido esquerdo dele! Até porque, ninguém é obrigado a conviver com um projeto de DeMolay.

 

Pensaram bobagem?!…Ah…Então temos que falar da galera que pensa bobagem antes mesmo de ler. Tudo bem, eu entendo que é automático e que talvez não temos o controle de peneirar tudo que pensamos. Mas podemos peneirar o que falamos, não?

Tem gente que não satisfeito em pensar, tem que falar pra todo mundo entender e perceber a ambigüidade ridícula da coisa!

 

E se de repente falarmos para os pais que eles usam vocabulário imbecil perto da gente, o pai pensa:

_Não foi essa a educação que dei, não sei o que acontece!

 

Alguns vão até dizer:

_A culpa é da mídia, TV fala muita bobagem!..haha [da-lhe Amoroso!]

 

Mas, engraçado é notar que na frente dos pais se comportam como querubins, mal sabem eles os filhos que têm!

 

A pergunta dessa semana é:

Você é DeMolay?!

Se sim, faça o favor de peneirar o que anda falando em orkut! Tirar da legendas coisas obscenas como “Eu e os manu pegando umas tiriça” ou junto daquela foto bonita coberta por cerveja, bebidas, Absolut, Balalaika e dizendo “ÊÊÊ Manguaça boa do carÁi”.

 

Quer beber?

Beba.

Quer fumar?

Fume.

Mas tenha a noção mínima de que: faça o que quiser fazer, mas não exponha a sua imagem e relacione isso à uma Ordem que é formada por milhares, ok?!

Não são todos iguais a você e que encharcam durante o “fds” do escambau né?!

 

Tinha uma propaganda que dizia algo interessante que reformulei! A moda do momento agora é: Senso, passe a diante! 😉

 

O Reverente cansou de mostrar palavrinhas bonitinhas pra menininhos demolayzinhos, recomendando-lhes a não falar palavrinhas feinhas porque o Papai do Céu não gosta e fica triste. O Reverente fala agora aos adolescentes precoces e que adoram se exibir mostrando que descobriu que “foda” começa agora com “PH” maiúsculo e que fazem questão de colocar isso em legendas, e perfis, assim como quer mostrar pros outros que escrever palavras com o ditongo terminado em “u” com ou sem assento é ridículo também!

Guardai as palavras sujas e obscenas que daí saem…Cala-te boca!

O bom filho a casa torna.

Engraçado como as passagens bíblicas são presentes nas nossas vidas mesmo que não sejamos seguidores de quaisquer religiões.

Pois bem, no ultimo fim de semana fiquei tentado a estudar o famoso Salmo XCI que diz:

 

Aquele que habita sob a proteção do Altíssimo
e mora à sombra do Onipotente,
pode exclamar: “SENHOR, Tu és o meu refúgio,
a minha cidadela, o meu Deus, em quem confio!”
Ele há de livrar-te da armadilha do caçador
e do flagelo maligno.
Ele te cobrirá com as suas penas;
debaixo das suas asas encontrarás refúgio;
a sua fidelidade é escudo e couraça.
Não temerás o terror da noite,
nem da seta que voa de dia,
nem da peste que alastra nas trevas,
nem do flagelo que mata em pleno dia.
Podem cair mil à tua esquerda
e dez mil à tua direita,
mas tu não serás atingido.
Basta abrires os olhos,
para veres a recompensa dos ímpios.
Pois disseste: “O SENHOR é o meu único refúgio!”
Fizeste do Altíssimo o teu auxílio.
Por isso, nenhum mal te acontecerá,
nenhuma epidemia chegará à tua tenda.
É que Ele deu ordens aos seus anjos,
para que te guardem em todos os teus caminhos.
Eles hão de elevar-te na palma das mãos,
para que não tropeces em nenhuma pedra.
Poderás caminhar sobre serpentes e víboras,
calcar aos pés leões e dragões.
Porque acreditou em mim, hei de salvá-lo;
hei de defendê-lo, porque conheceu o meu nome.
Quando me invocar, hei de responder-lhe;
estarei a seu lado na tribulação,
para o salvar e encher de honras.
Hei de recompensá-lo com longos dias
e mostrar-lhe a minha salvação.”

 

 

Ah! Se todos cressem mais nestas palavras, não seriam tolos, ou sequer medrosos frente à todas as batalhas. Engraçado como a Bíblia é complexa, mas mais engraçado ainda é ver como ela é capaz de sustentar credos, vontades, desejos de vencer. Ela nos oferece ânimo, mesmo que tudo se perca durante o caminho, mesmo que estejamos pobres e nus, nela encontramos o desejo de continuar e a esperança de melhora.

Nós oramos tanto em nossas reuniões, mas poucas vezes nossos irmãos realmente oram durante as preces. A maioria fica por conta de rir da leitura do Capelão, ou então fica ali falando o que não deve pro que está do lado, ou então pensando como ele vai fazer pra pisar na capa e desequilibrar o outro na hora de levantar.

Por que? Será que não sabemos fazê-los entender da necessidade de silêncio, meditação e vontade de crença na hora da Oração?! Ah! Falhas…

 

Da história Bíblica tiramos preceitos, e valores grandiosos. Exemplos de todas as virtudes que nossa Ordem possui, seja no Amor Filial de Maria, seja na Reverência ao Sagrado quanto à Arca da Aliança, seja pela Cortesia na hospitalidade do Pai que recebe o filho pródigo, seja na lição de Adultério passado nas histórias de Maria Madalena, seja na pureza do “vinde a mim as criancinhas” ou até mesmo o Patriotismo na guerra entre filisteus e exércitos israelenses.

 

Será que sabemos manusear uma Bíblia, será que cremos nela? Quantas vezes já abriu uma e orou? Já teve curiosidade de estudar a História de Davi e Jônatas? Conhece ao menos?!

 

O livro de Jó, percebo que muitas garotas (nossas primas) são Filhas de Jó, mas pergunte a elas sobre a história de Jó, poucas responderão com firmeza e conhecimento! Ah! Sem contar que vocês não são filhas de Jó, só que a Bíblia é Universal, então podem ler também ok?! É um dos menores livros da Bíblia e uma história fantástica para um Bom leitor!

 

Se eu creio no que lá está escrito?! Nem eu sei, só sei que gosto, e apego, e leio e tiro a lição. E tento seguir. Se é fato tudo aquilo que está escrito? Não sei também, só sei que se aconteceu faz um bom tempo, porém vejo que ainda acontece de forma bem parecida no mundo de hoje. Só sei que ela me consola, me ajuda, me ampara, nos momentos mais difíceis.

 

Sabe como nosso fundador era conhecido quando criança? “Pequeno Ministro”, ele lia a Bíblia com freqüência, e era um grande conhecedor da Palavra Divina. E de lá também retirava suas forças.

 

O Reverente está mais reverente do que nunca. Ele viu que conseguiu retirar toneladas de forças daquelas Palavras…e sabe também que por mais sozinho que esteja, aquelas Palavras estarão com ele, e isso o conforta.