DeMolay em revista

Na minha época de DeMolay ativo eu lembro quantas vezes eu entrava na internet procurando alguma novidade, alguma notícia ou algum tópico novo sobre a Ordem DeMolay. Já nem lembro mais como foi que conheci os Escritos Esparsos sobre DeMolay, um blog de autoria de dois Irmãos do Rio. Era um bom meio de ler sobre o passado, o presente e refletir sobre o futuro dessa organização que tanto queria bem.

Depois dele, tivemos alguns outros blogs e sites que, constantemente, entravam e saíam da rede, permitindo que nós, humildes DeMolays, sem acesso a comunicações oficiais, tivéssemos acesso a histórias e vivências dos mais diversos e diferente lugares do Brasil. Foi assim com a era ee2 (a que mais durou), teve o ordemdemolay.zip.net (bem humorado e o primeiro de posts anônimos) e um último que já não recordo o nome e sobreviveu até o nascimento do CdPQ, editado por um Irmão de Santa Catarina.

Depois do CdPQ ainda tivemos um outro, que viveu um ou dois meses – em que cada autor era um grau da Ordem DeMolay -, e que eu não sei no que deu. Há algumas semanas, tive a feliz notícia de que nascia o demolayentrevista.blogspot.com, mais um que entra pra história curta e interessante da Ordem na web – acho que até já fiz um outro post sobre isso.

Sabe qual a melhor parte disso? É que temos as mais diversas fontes de leitura, que algumas vezes são interessantes, outras inúteis, mas que levam a constantes reflexões. O que é ser DeMolay? Como se é DeMolay nos mais diversos cantos e rincões da Ordem no país? Talvez em breve tenhamos uma revista DeMolay, editada com o objetivo único e exclusive de se divulgar o de bom – ou de ruim em alguns casos – que os Capítulos, Conventos/ Priorados, Cortes, etc. tem feito pelo imenso brasilzão. É torcer e esperar!

1 Comentário

  1. A ODM é, infelizmente, mais falada do que escrita. E nem tudo o que é bom o povo posta (sem trocadilho), muito menos imprime.

    Se não fossem os blogs, mortos ou meio-vivos, muita coisa MESMO passaria a ser fumaça.

    Escrever blog é uma profissão de fé: tem que se dedicar de verdade pro troço andar, caso contrário, se torna mais um monte de templates à deriva no oceano da web.

    Essa idéia do CPQ é boa: faz com que alguns caras mais ou menos safos concentrem suas idéias no só lugar, ao invés de sete blogs, que pouquíssimos olhariam. Faça um page-view e leia sete artigos!

    Outra coisa: já perceberam que no máximo, os Supremos dão apenas espaço para os blogs serem divulgados? Incentivo que é bom, necas.

    Tá, tudo bem, ninguém vai querer um blogueiro desancando este ou aquele “Grande Alguma Coisa”, mas liberdade de opinião é isso aí.

    Muita coisa importante da ODM-Brasil saiu ANTES em weblog! Só chegaram na medina dias ou semanas depois.

    Pensando bem: a seleção natural de Darwin também se aplicam aos blogs. Para perenizá-los, repito, tem que ter disposição hercúlea, assunto decente, sorte e o mais importante, FAZER A DIFERENÇA!

    Bloguem-se!


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s